Elevação da nota de risco é questão de tempo

12/01/2018 17:23
Elevação da nota de risco do Brasil é questão de tempo, diz Meirelles
A evolução da avaliação do Brasil pela S&P
Jornal do Brasil
 
O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta sexta-feira (12), que a elevação da nota de risco do Brasil é uma questão de tempo. A declaração foi dada em entrevista coletiva para comentar o rebaixamento da classificação da dívida pública brasileira pela agência Standard & Poor’s (S&P). Meirelles manifestou confiança na aprovação da reforma da Previdência e das medidas de ajuste fiscal nos próximos meses.
 
“O Congresso tem mostrado que tem aprovado as reformas fundamentais no país. Aprovou o teto de gastos, a reforma trabalhaista, a Lei das Estatais e a TLP [Taxa de Longo Prazo]. Outras medidas, como o cadastro positivo e a duplicata eletrônica estão em aprovação. Existe um histórico de aprovação. Essas reformas vão continuar ocorrendo, e a perspectiva de aumento do rating é questão de tempo. Isso foi levado em conta na melhora da perspectiva [da nota do Brasil pela S&P] de negativa para estável”, destacou o ministro.
Meirelles comentou que, no dia seguinte à redução da nota do Brasil para três níveis abaixo do grau de investimento, o mercado financeiro teve uma reação calma. Segundo o ministro, isso ocorre porque o país continua crescendo com baixa inflação e porque o rebaixamento já estava “precificado”, incorporado aos indicadores financeiros.
 
“Um ponto importante, que parece ser digno de ênfase neste momento, é a reação da economia no curto prazo, dos indicadores de mercado que reagem na mudança do rating no Brasil. Hoje, o dólar caiu um pouquinho, os juros de longo prazo caíram um pouquinho, e a bolsa continua estável”, acrescentou.
 
De acordo com Meirelles, a economia brasileira está num momento positivo, com previsão de crescer até 3% este ano e criar 2 milhões de empregos, depois de incorporar pelo menos 1 milhão de pessoas ao mercado de trabalho em 2017. Para ele, as previsões da S&P são conservadoras, comportamento que considerou normal nas agências de classificação de risco.
 
“Vamos continuar trabalhando e seguindo na direção que está dando certo. O país está crescendo. Nossa previsão de crescimento para 2018 é 3%. A agência [S&P] vai de forma mais conservadora, o que é normal. Isso [o conservadorismo das agências] também aconteceu no ano passado. O país em pleno processo de recuperação sólida. Foram criados mais de 1 milhão de empregos no ano passado, e esperamos a criação de 2 milhões de empregos este ano”, concluiu Meirelles.
Apesar do rebaixamento, Meirelles garantiu que a economia brasileira está num momento positivo
Apesar do tom otimista de Meirelles, a diretora de ratings soberanos da agência de classificação de risco S&P, Lisa Schineller, afirmou nesta sexta-feira (12) que deverá ser muito difícil que o Congresso aprove a reforma da Previdência neste ano, principalmente em função da eleição presidencial no Brasil. "Temos dúvidas sobre o avanço da reforma da Previdência em ano eleitoral. Notamos uma resistência mais profunda a esta mudança. E ficamos com a dúvida sobre qual tipo de reforma pode surgir. Os atrasos constantes nessa negociação destacam esse desgaste que observamos. Também será difícil que o governo tome medidas fiscais mais duras", avaliou.
 
Lisa Schineller acrescentou que mesmo que a reforma seja aprovada em fevereiro, a agência não reverterá a nota do país, já que apenas a reforma da Previdência não melhoraria a situação fiscal do país no curto prazo.  "Na nossa avaliação, o governo do presidente Temer vem sendo mais lento do que esperávamos em tomar as medidas corretivas para reverter a trajetória crescente do déficit fiscal", disse.
 
 

Notícias

14/11/2018 23:31
Desconstruindo Mitos sobre Calvino Por Franklin Ferreira Infelizmente, as imagens populares que se...
14/11/2018 22:53
Hasselmann propõe fim das férias no meio do ano para Judiciário e Congresso A deputada federal...
14/11/2018 21:27
Quem hoje conhece a moderna e progressista Dourados custa a acreditar que no final da década de...
14/11/2018 20:10
Quem tem problemas com a Justiça não entrará no governo, diz Bolsonaro Por Agência Brasil...
14/11/2018 19:03
Bolsonaro nomeia Ernesto Araújo como chanceler Por DW - Deutsche Welle é a emissora...
14/11/2018 18:31
Bolsonaro diz que vai oferecer asilo para médicos cubanos Apesar disso, o ex-militar voltou a...
14/11/2018 18:16
Embaixador Ernesto Araújo é escolhido para Relações Exteriores Presidente eleito Jair Bolsonaro...
14/11/2018 14:07
Em entrevista exclusiva à RecordTV, presidente eleito comentou suspeita de que Onyx Lorenzoni teria...
14/11/2018 13:55
Governadores se reúnem em Brasília para discutir pacto federativo Representantes de 19 estados e do...
14/11/2018 13:46
Audiência: a grande verdade é que Deus é Pai e Nele podemos confiar Na Audiência Geral de...
14/11/2018 13:39
Governo Bolsonaro vai criar Ministério da Cidadania Por Redação - DestakJornal - Foto: Agência...
13/11/2018 21:16
História da Igreja CALVINISMO E CAPITALISMO: QUAL É MESMO A SUA RELAÇÃO? Por Alderi Souza de...
13/11/2018 20:11
OBEDECER - Padre Rubens Chaves Obedecer, eis um dos conselhos evangélicos mais difíceis de ser...
13/11/2018 20:07
Entenda o processo de transferências de padres e diáconos em uma Diocese Por Vera Alice Brandão...
13/11/2018 19:23
1ª fase Fundada em 26 de Dezembro de 1928 com sede à Rua 7 de Setembro, 421, Centro. 2ª fase Em...
13/11/2018 19:17
Será que Estamos Proclamando um Inferno que Não Merecemos e um Cristo que Merecemos? Recentemente,...
13/11/2018 15:40
Bolsonaro anuncia general do Exército Ministro da Defesa O sétimo ministro confirmado por Bolsonaro...
13/11/2018 15:31
Onze maneiras que os cristãos podem amar um ao outro Eu lidero a turma do nosso novo membro na...
13/11/2018 15:28
Igreja necessita de profetas da esperança, diz Papa a religiosos espanhóis “A vida de oração, o...
13/11/2018 15:23
Equipe de Bolsonaro já conta com sete ministros confirmados Foto: Wilton Júnior - Estadão...

Contato

Jornalista Josenildo Melo Teresina - Piauí - Brazil WhatsApp : 86 99513 2539 josenildomelo@yahoo.com